O Cigarro Eletrónico

O que é o Cigarro Eletrónico?

O Cigarro Eletrónico é a nova revolução no mercado direccionado aos fumadores. Acreditamos que este produto contribuirá para a erradicação dos malefícios do tabaco que há tantos anos afecta o Ser Humano.

O Cigarro Eletrónico é um dispositivo atomizador não inflamável, que utiliza tecnologia micro eletrónica para transformar um líquido próprio em vapor que simula o fumo de um cigarro. Oferece ao fumador a opção de satisfazer o seu desejo por nicotina de um modo menos prejudicial e seguro (1), de um modo mais económico, libertando-o ainda das restrições de utilização dos cigarros convencionais em locais públicos.

As grandes vantagens do Cigarro Eletrónico são:

  • Sem alcatrão e monóxido de carbono, entre outras milhares de substâncias cancerígenas;
  • Mais económico que o cigarro convencional;
  • Pode ser utilizado de forma segura em locais designados por “não fumadores”.

(1) http://sicnoticias.sapo.pt/mundo/2014-07-31-estudo-revela-que-cigarro-eletronico-e-menos-prejudicial-do-que-o-tabaco-convencional


Características do Cigarro Eletrónico

  • Sem ignição, sem risco de incêndio;
  • Simula o acto convencional de fumar, por intermédio de um vapor produzido pela atomização de um líquido contido num cartucho descartável;
  • Luz indicadora de produção de vapor, que simula a combustão do tabaco num cigarro convencional;
  • Não contém alcatrão e monóxido de carbono, entre outras milhares de substâncias cancerígenas;
  • Possibilidade de usar cartuchos sem nicotina;
  • Vários sabores e níveis de nicotina;
  • Reutilizável;
  • Custos muito inferiores aos da utilização de cigarros convencionais.

Parece um Cigarro, mas não é

O Cigarro Eletrónico foi desenhado para se parecer o mais possível com um cigarro convencional, permitindo assim que mais fumadores vejam esta alternativa como uma hipótese de substituição e erradicação do cigarro tradicional.

Tal requisito inclui os seguintes aspectos:

  • Estrutura em cilindro, de comprimento, diâmetro e peso o mais próximo possível de um cigarro convencional;
  • Luz na extremidade, que acende proporcionalmente à inalação do utilizador;
  • Cartuchos idênticos aos filtros dos cigarros convencionais;
  • Produção de vapor que, sensativa e visualmente, simula o fumo do cigarro convencional. Para produzir o vapor, basta usar o cigarro eletrónico como um cigarro convencional;
  • Disponível em vários sabores, sendo o de Tabaco o mais próximo de um cigarro convencional.

Uma vez que tal parecença pode provocar alguma apreensão pelos que o rodeiam, também estão disponíveis outras versões inconfundíveis com o cigarro convencional, de onde se destaca os modelos em cor Preta e luz indicadora Azul.

 


Como Funciona >>>